Autoestima: Aprendendo a se amar!

Não sou de fazer posts desse tipo, e talvez essa seja a primeira e ultima vez que vocês vêem posts assim por aqui. Mas por achar o assun...


Não sou de fazer posts desse tipo, e talvez essa seja a primeira e ultima vez que vocês vêem posts assim por aqui. Mas por achar o assunto bem pertinente e atual resolvi que também queria compartilhar meus pensamentos sobre tal assunto e assim poder, quem sabe, ajudar você minha leitora que muitas vezes não consegue se amar do jeitinho que você é...

Num mundo movido pelo culto ao corpo, onde pessoas que não se enquadram em padrões estéticos pré-estabelecidos sofrem com o preconceito, nos deixamos levar e muitas vezes, para podermos ser aceitos, acabamos passando por cima de nossos valores e ideais. Quando na verdade o que precisamos é saber que independente de sermos gordos ou magros, altos ou baixos, brancos ou negros, cada um de nós temos que nos amar exatamente como nós somos, com os defeitos e qualidades. Pode ser o maior clichê que você tenha lido hoje, mas também é a maior verdade.

Nos dias de hoje eu sei que é difícil dizer não aos padrões e viver como se quer, já que sempre vai ter algum idiota por ai que vai querer nos colocar pra baixo. Pra chamar a gordinha de "baleia" e a magra de "Olivia Palito", e assim querer com que nós nos abalemos e busquemos o tal do "corpo perfeito". Mas antes de entrar nessa furada, deixa eu te contar um segredinho: aos olhos dos outros nós nunca seremos perfeitos! Então é melhor deixar que falem e começar a se achar perfeita! (porque você é, acredite)

As pessoas adoram querer nos dizer como devemos ser e agir. Tentam nos convencer que o correto é o que eles querem que seja, quando o correto na verdade é o que nos faz feliz! Se você adora se maquiar, ser vestir na moda e passar horas se exercitando. Ok, continue assim. Mas você acha tudo isso uma bobagem e prefere gastar seu dinheiro com livros e sorvetes, e acha academia um porre. Ok, continue assim também. Afinal, toda mulher é bonita, algumas só precisam aprender a se admirar!

Esse post não é sobre fazer parte de uma campanha na internet porque é bacana ou apenas porque é modinha. É sobre você fazer o que você quiser, se amar do jeito que você é! Não adianta nada eu falar tudo isso se você não entender o principal: não ligar para o que as pessoas dizem de você, elas sempre vão falar o que querem e cabe a você decidir o que vai apenas ouvir e o que você vai levar para a sua vida. Não vale a pena ser quem nós não queremos ser.

Ter amor próprio pode ser visto como arrogância e falta de humildade, e acredite muitas pessoas vão querer que você pense assim, mas na verdade amor próprio é simplesmente a maior forma de amor. Como vou amar alguém, sem antes amar a mim mesma? Não deixe que estar fora dos padrões estéticos te faça perder a autoestima. Afinal, o importante é se sentir bem consigo mesma!

LEIA TAMBÉM!

6 comentários

  1. infelizmente o tanto de imagens que recebemos hoje nos envolve. eu já fui gordinha e odiava meu corpo, emagreci de uma forma que me sentisse bem. alguns dizem que tenho que emagrecer mais, tenho vontade as vezes, mas como estou me sentindo bem por enquanto, estou fod***-se os outros hahaha (nunca tá bom para os outros, antes era gordinhas, depois estava emagrecendo demais hahaha) se a gente se importar fica louca!!
    e concordo com você, devemos nos amar primeiro, antes de qualquer coisa. não acho arrogância nenhuma e se as pessoas não sabem lidar com isso é um problemas que elas tem que resolver com elas mesmas!
    adorei teu post, parabéns!
    beijão
    www.blogmarinaalmeida.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente Ma, nós nunca vamos realmente agradar aos outros! A vida é mais amor, temos que espalhar essa ideia, começando por nós mesmas! Se amando da pontinha do pé até o ultimo fio de cabelo ❤❤❤

      Excluir
  2. O pior, Liz, é que no fundo a gente já devia saber disso tudo, né? Na verdade, acho que a gente já sabe. A gente sabe que não pode se importar tanto com a opinião dos outros, nem com o que eles dizem. Mas acontece que a gente também não se ama o suficiente pra isso. :/ Concordo totalmente com você. O amor próprio é a maior forma de amor. Eu ainda estou aprendendo rs

    Adorei o texto!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim Alice, são verdades que já deveriam fazer parte da nossa vida. Amor próprio deveria virar moda ❤️❤️

      Excluir
  3. Texto lindo e cheio de verdades, queria que todas pensasse assim, pois acredito que se tivesse esse pensamento não iria existir padrão de beleza.

    Beijos,
    www.bluelline.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Seria um mundo perfeito né?! Pessoas vivendo por ai do jeitinho que são sem ninguém pra julgar ❤️❤️

      Excluir